domingo, 9 de junho de 2013

Diário de Uma Paixão - Nicholas Sparks

Diário de Uma Paixão
"Não sou nada especial; disso estou certo. Sou um homem comum, com pensamentos comuns, e vivi uma vida comum. Não há monumentos dedicados a mim e o meu nome em breve será esquecido, mas amei outra pessoa com toda a minha alma e coração e, para mim, isso sempre bastou." Noah Calhoun Assim tem início uma das mais emocionantes e intensas histórias de amor que você lerá na vida... O livro é o retrato de uma relação rara e bela, que resistiu ao teste do tempo e das circunstâncias. Com um encanto que raramente é encontrado na literatura atual, O Diário de uma Paixão de Nicholas Sparks, o consagra como um contador de histórias clássicas, com uma perspectiva excepcional sobre a mais importante e única emoção que nos mantém. Com mais de 12 milhões de cópias vendidas, o livro que emocionou as pessoas ao redor do mundo, foi traduzido para mais de 20 línguas. 


Páginas: 244
Editora: Novo Conceito
Avaliação: 5/5

O Que Achei do Livro:
Em outubro no ano de 1946 em Nova Berna, dois jovens se apaixonam, Noah Calhoun e Allison Nelson. Noah teve algumas namoradas na escola, mas nenhuma delas o impressionou, exceto Allie.
Depois da formatura do ensino médio, Noah ficou impressionado com Allie, portanto contou ao amigo Fin sobre ela, mas Fin fez duas previsões sobre o casal: Primeiro, que eles se apaixonariam; segundo, que não daria certo. Dito e feito, Noah e Allie se apaixonaram, mas acabaram não dando certo por culpa dos pais de Allie, pois enquanto ela é uma jovem de classe alta, Noah é um rapaz pobre.
"Não dou a mínima para o que os meus pais pensam, eu amo você e sempre vou amar", ela dizia. "A gente vai dar um jeito de ficar juntos".

Allie muitas vezes fugia de casa para ir se encontrar com Noah, os dois passaram um verão inesquecível, pena que não durou muito tempo. No início de Setembro, Allie teve que retornar com a familia a Winston-Salem e nunca mais voltou. Noah escreveu cartas a Allie durante dois anos, mas nunca obteve resposta.
Depois de 14 anos, Allie volta a Nova Berna com 29 anos para visitar Noah que já estava com 31 anos. O reencontro dos dois se torna algo mais do que o inesperado, mas uma paixão que continua com barreiras.


Recebi esse livro no ano passado que a editora parceira Novo Conceito me mandou. Estou desde Janeiro querendo ler e nunca consigo, até que finalmente consegui começá-lo e terminá-lo de ler neste mês. O livro é perfeito, por enquanto foi um dos melhores livros que li do titio Sparks.
Ainda não tive a oportunidade de assistir o filme, mas tenho ótimas recomendações da minha mãe que assistiu mais de 10 vezes.

O romance de Noah e Allie é tão lindo que chorei na história toda, principalmente no final. Quando cheguei no final parecia que o livro tinha caído numa poça de água (Risos).
O inicio do livro não me prendeu muito, só quando o casal se reencontrou. Não consegui parar de ler a história, levei esse livro para tudo que é lugar. No final fiquei com DPL (Depressão pós livro) e a única coisa que tenho a reclamar é que o livro poderia ter mais 300 páginas.
A história é bem clichê e muitas pessoas não gostaram por causa disso. Mas qual livro do Nicholas que não é clichê?

A partir desse livro o Nicholas Sparks virou meu autor favorito de romance, mesmo depois de ter lido: Querido JohnUm amor para recordarA Última MúsicaUm Homem de SorteO Melhor de Mim e Noites de Tormenta.
Estou muito ansiosa para assistir o filme, aguardem que logo vai ter a resenha e comparações. Espero que o filme não tenha estragado o livro.

Agradeço a editora parceira Novo Conceito por ter me mandado esse livro para resenha.
Recomendadíssimo!

Trechos do livro:
“A sua alma e a minha têm de estar sempre juntas. E assim, por alguma razão que nenhum de nós dois entende, fomos forçados a dizer adeus".

"Eu adoraria dizer que tudo vai dar certo para nós, e prometo fazer tudo que eu puder para que isso aconteça. Mas se nunca mais voltarmos a nos encontrar, e se isto for verdadeiramente uma despedida, sei que nos veremos em outra vida."

"O meu pai me contava que a primeira vez que a pessoa se apaixona muda a vida dela para sempre, e por mais que se tente, o sentimento nunca desaparece."

Trailer do filme:

1 Assuntos:

Larissa disse...

como não amar essa história, né? ela é inteira linda, desde a luta deles pra ficarem juntos, até - e principalmente - sua história de vida na velhice. simplesmente uma das histórias mais bonitas que o Sparks já escreveu, de chorar até! amo ♥

beijão!
http://nossosromancesadolescentes.blogspot.com.br/

Postar um comentário