terça-feira, 1 de janeiro de 2013

O Menino do Pijama Listrado - John Boyne

O Menino do Pijama Listrado
Bruno tem nove anos e não sabe nada sobre o Holocausto e a Solução Final contra os Judeus. Também não faz idéia de que seu país está em guerra com boa parte da Europa, e muito menos de que sua família está envolvida no conflito. Na verdade, Bruno sabe apenas que foi obrigado a abandonar a espaçosa casa em que vivia em Berlim e mudar-se para uma região desolada, onde ele não tem ninguém para brincar nem nada para fazer. Da janela do quarto, Bruno pode ver uma cerca, e, para além dela, centenas de pessoas de pijama, que sempre o deixam com um frio na barriga. Em uma de suas andanças Bruno conhece Shmuel, um garoto do outro lado da cerca que curiosamente nasceu no mesmo dia que ele. Conforme a amizade dos dois se intensifica, Bruno vai aos poucos tentando elucidar o mistério que ronda as atividades de seu pai. "O Menino do Pijama Listrado" é uma fábula sobre amizade em tempos de guerra, e sobre o que acontece quando a inocência é colocada diante de um monstro terrível e inimaginável.

Páginas: 186
Editora: Companhia das Letras
Avaliação: 4/5


O Que Achei do Livro:
Bruno é um menino de 9 anos que acaba de receber a noticia que vai sair de Berlim para ir morar em uma região completamente diferente, onde não tem crianças para brincar e nada para se fazer. Ele fica sem entender o motivo da mudança, mas sua mãe diz como resposta que é por causa do trabalho do seu pai, sendo que o verdadeiro motivo é que seu pai trabalha para Hitler e para isso ele precisa se mudar junto de sua família.

Sem nada para se fazer, Bruno resolve explorar sua casa nova e acaba encontrando uma pequena janela no seu novo quarto, a janela tem a vista para uma cerca que separa sua casa de um campo de concentração onde vive muitas pessoas que usam todos os dias pijamas listrados, tem a pele pálida e são muito magras.

No dia seguinte Bruno encontra um menino que vive do outro lado da cerca, ele se chama Shmuel, que por grande coincidência nasceu no mesmo dia e ano que Bruno.
Todos os dias Bruno e Shmuel passam a se encontrar para brincar, mesmo separados por uma cerca. 
Com seus 9 anos, Shmuel entende um pouco da divisão da cerca, portando ele tenta explicar a Bruno a diferença entre os Judeus e os Nazistas.

Bruno não consegue entender o motivo de fazer parte de uma família Nazista e não consegue aceitar que seu pai possa ser um homem mal como diz Shmuel.
"-Você é o meu melhor amigo, Shmuel -disse ele. -Meu melhor amigo
para a vida toda".

Mesmo sabendo que o certo é não conversar com nenhum Judeu, Bruno não vê diferença nisso e assim acontece uma grande amizade entre ele e Shmuel.


Ganhei esse livro de presente e logo quando comecei a ler me encantei. Esse foi um dos livros mais emocionantes que já li.
A narração do livro é bem infantil e explica os fatos de forma clara e direta, sem muitos detalhes. Por mais que eu prefira livros mais detalhados e com uma narração mais adulta, isso não chegou a me incomodar na história, gostei bastante da narração.

O livro contém pouquíssimas páginas e os capítulos são curtos, li ele em uma tarde, uma leitura bem rápida e gostosa.
Uma das coisas que eu não gostei é que existem algumas partes desnecessárias, onde não mudaria nada na estória caso não tivesse. 

O Bruno e o Shmuel foram personagens que me cativaram logo de inicio. Se eu tivesse um filho gostaria que ele fosse igual ao Bruno hahaha.
O final é emocionante, chorei muito ao ter terminado o livro e agora pretendo assistir o filme.

Uma história emocionante que nos mostra uma amizade encantadora que passou por cima das diferenças numa época difícil.
Recomendadíssimo!

Trechos do livro:
"-Menina tola! É isso que considera de importância nesse mundo? Ficar linda?"

"-Todo esse tempo eu fiquei olhando da minha janela o lugar onde você mora, mas nunca vi com meus próprios olhos como é de fato o outro lado".

"Mas o melhor de tudo é que ele tinha um amigo chamado Shmuel".

Trailer do filme:

2 Assuntos:

Acervo de Miss disse...

Este, sem dúvidas, foi um dos melhores livros que eu já vi na vida. É simplesmente fantástico, forte, emocionante, cativante etc.
Super indico a todos!

Iara Kimi disse...

Amo esse livro uma história realmente emocionante o filme é muito bom também, mas eu prefiro o livro mesmo.

Lindo o seu blog também parabéns.
Seguindo já se possível me faça uma visita lá no meu blog

Beijos um lindo 2013 para você

http://www.fragmentos-intensos.com/

Postar um comentário