sexta-feira, 21 de dezembro de 2012

Para Sempre - Kim Carpenter & Krickitt Carpenter

Para Sempre
A vida que Kim e Krickitt Carpenter conheciam mudou completamente no dia 24 de novembro de 1993, dois meses após o seu casamento, quando a traseira do seu carro foi atingida por uma caminhonete que transitava em alta velocidade. Um ferimento sério na cabeça deixou Krickitt em coma por várias semanas. Quando finalmente despertou, parte da sua memória estava comprometida e ela não conseguia se lembrar de seu marido. Ela não fazia a menor ideia de quem ele era. Essencialmente, a "Krickitt" com quem Kim havia se casado morreu no acidente, e naquele momento ele precisava reconquistar a mulher que amava.

Páginas: 144
Editora: Novo Conceito
Avaliação: 4/5



O Que Achei do Livro:
Kim Carpenter é treinador da Universidade Highlands, no Novo México. Kim liga para uma loja pedindo informações sobre jaquetas para técnicos de beisebol. A vendedora que o atende é Krickitt, uma mulher agradável e atenciosa que logo chamou a atenção de Kim, o que ele não esperava é que fosse se apaixonar por uma mulher que nunca viu na vida, seu dia se tornava melhor só por conversar com ela.

Cada dia que passava os dois ficavam conversando pelo telefone (pois naquele tempo a internet não era muito usada pelas pessoas), até que as contas do telefone de Kim começaram a vir muito altas e ele marcou de se encontrar com Krickitt.
No meio desse romance, os dois se casam e no dia 24 de novembro de 1993 quando apenas estavam completando dois meses de casamento, decidiram ir visitar os pais de Krickitt, mas em meio à viajem sofrem um acidente terrível de carro.

Kim sofreu pequenos ferimentos, enquanto Krickitt entrou em coma e alguns dias depois acordou, mas perdeu grande parte da memória se esquecendo do seu marido e pensando que seu atual marido fosse Todd, seu ex namorado.
"Quando Krickitt declarou que era solteira, daquela maneira tão tranquila e natural, senti
como se alguém houvesse enfiado uma faca no meu peito. Olhei em seus olhos, rezando para receber um sinal, por menor que fosse, de que ela havia me reconhecido. Ela
retornou o olhar, me encarando como se eu fosse um estranho".

Krickitt não reconheceu Kim de maneira alguma, e começou a agir como se fosse uma adolescente rebelde. A única coisa a qual ainda estava nela era sua fé. A principal missão de Kim é reconquistar sua mulher, uma tarefa que não vai ser nada fácil.


Li esse livro em apenas uma tarde. Já tinha visto antes o trailer do filme, e logo pensei que o livro fosse idêntico as cenas do trailer, mas é completamente diferente.
Nunca tinha ouvido falar da história de Kim e Krickitt Carpenter, e a cada página que eu lia do livro me impressionava com o lindo romance dos dois.

O livro é narrado por Kim que conta exatamente como tudo aconteceu de forma simples e legível. Ao ler vimos o quão profundo é o amor que ele sente por sua amada.
Teve partes no livro em que eu ria e outras partes em que me emocionava. Algo que me surpreendeu muito foi a fé de Krickitt, por mais que ela tenha mudado por completo depois do acidente sua fé continuava a mesma de sempre.

A diagramação é perfeita, com capítulos curtos e a fonte média. A capa do livro é com a imagem da capa do filme, a qual acho linda, mas iria preferir com o casal verdadeiro na capa.
O único probleminha que encontrei é que Kim ficou repetindo muitos diálogos quando Krickitt o esqueceu, e isso tornou a leitura um pouco cansativa, mas não chegou atrapalhar por completo.

Ainda não assisti ao filme, mas logo pretendo assistir a ele e dar minha opinião.
Agradeço a editora parceira Novo Conceito por ter me mandado esse livro para resenha.
Recomendadíssimo!

Trechos do livro:
"Independente dos sentimos que minha esposa tivesse por mim, eu ainda a amava. E estava determinado a manter o juramento que havia feito, de ser fiel e me devotar a qualquer necessidade que ela tivesse".

"-Eu acho que, se me apaixonei por esse cara antes, provavelmente posso fazer isso novamente".

Trailer do filme:

5 Assuntos:

TB disse...

Esse livro parece ser daqueles super românticos, com milhares de suspiros durante a leitura :)
Beijo, Nic
http://teens-books.blogspot.com/

Italo S disse...

Eu li esse livro, e gostei bastante dele.
Não é tão "água com açúcar" como muitos outros romances "parecidos" com ele.
http://www.literamore.blogspot.com.br/

Dreamer Girl disse...

Oi Larissa, esse livro parece ser ótimo. Adoro romances.
Beijos.

http://olhareseleituras.blogspot.com.br/

Larissa Gunia disse...

TB- Pois é, isso foi um dos motivos por eu ter gostado ^^

Italo S- Ele não é ótimo, mas é bonzinho. Por ser uma auto-biografia ele não chega a ser tão bom assim.

Dreamer Girl- Recomendo :D

Book Teen disse...

Morro de vontade de ler esse livro, muito perfeito.

Postar um comentário